Archive for the ‘caso’ Category

Ferramenta de motivação em rede social

Tuesday, June 9th, 2009

Recebi um email, o qual achei bem interessante, como ferramenta de motivação para os usuários do Academia.edu. O Academia.edu é um site do tipo rede social, para comunidade acadêmica. A idéia é ter um “mapa” das academias e dos acadêmicos do mundo todo. O email foi o seguinte:

Print do email recebido da Academia.edu

(more…)

Ótimo sistema de updates do Pages

Monday, June 1st, 2009

Hoje, abri o Pages e ele tinha um aviso de atualização, que achei ótimo. Tem tudo que precisa ter, sem excessos e sem linguagem técnica ininteligível. Vejam:

Popup de aviso de atualização do Pages

Temos tudo que um usuário comum precisa para lidar com o aviso: (more…)

Zappos.com: foco na experiência

Tuesday, March 17th, 2009

Logomarca Zappos.com

“Oh, yea, Zappos. I love that company.”

Este é o efeito Zappos sobre os consumidores, resultado de uma empresa focada na experiência do consumidor.

Tudo começa dentro da própria empresa. A Zappos trata seus funcionários bem, de forma que eles tratem os clientes da mesma maneira. Vejam o comentário de Tony Schwartz sobre sua visita à Zappos:

Hsieh and his team have figured out something that I’ve seen in very few companies: how you treat employees is how they’ll treat the company’s customers and clients. “I don’t want us to be a shoe company that provides great service,” Hsieh told me. “I want us to be a great service company that can sell anything.”

(more…)

Não deixe de ver!

Sunday, March 15th, 2009

Logo da lista de 50 empresas mais inovadoras

Não há nada que me deixe mais fascinado do que casos de sucesso de inovação – na verdade há, claro, mas eu gosto de ser extremista.

Agora, imaginem o que foi encontrar no blog do Paulo Melo, um post sobre uma lista de empresas inovadoras, que além de valiosa, foi muito bem construída. É o top 50 de empresas invoadoras da Fast Company. Diferente da maioria das listas, ela tem bom conteúdo (apesar de se focar basicamente em USA e Europa), boa interface e boa experiência. Vejam só: (more…)

Experimente outros tipos de contrato e economize!

Thursday, March 12th, 2009

Charge sobre contratos de escravos

Para quem acha que a única maneira de comprar um serviço de tecnologia, é criando um escopo do projeto e pedindo aos fornecedores um orçamento, saiba que além de enganado, você está jogando dinheiro fora e recebendo um produto de qualidade inferior.

Além do contrato de preço fixo (onde o fornecedor dá um preço para um determinado projeto, mesmo com todo mundo sabendo que não vai ser bem aquilo que será produzido), existem outras formas de se contratar uma empresa para desenvolver um software, por exemplo. O contrato de escopo variável ou o preço fixo por etapas do projeto, são alternativas para se contornar as distorções causadas pela forma de contratação tradicional. (more…)

Não se prenda ao padrão

Thursday, March 12th, 2009

Tela de exemplo do Kindle no iPhone (versão 2)

Lendo um review do Nielsen sobre o Kindle 2 , achei algo bem interessante – não tinha muito a ver com o Kindle, mas com o iPhone. (more…)

Experiência do usuário num MAC e falta dela num PC

Thursday, February 26th, 2009

HP mini-note

Outro dia minha sogra comprou um lindo HP mini-note e pediu para que eu configurasse a rede sem fio, para que ela pudesse acessar a internet em casa. Foi aí que começou o problema. Na prática, muitas pessoas não sabem a senha da sua rede sem fio, pelo fato de ter sido instalada por um técnico que não fez seu trabalho direito ou quis ganhar algum dinheiro com a visita de retorno para consertar um “problema” da rede. Só que o problema não era este. Ela sabia a senha da rede e mesmo assim não foi capaz de configurá-la. Detalhe: eu já era a terceira pessoa (fora o departamento de TI da escola dela) a tentar acertar o problema. (more…)

Experiência de compra

Tuesday, February 10th, 2009

Recentemente, andei bastante pelo site estante virtual. O site é um ótimo achado para pessoas que gostam de livros e não se importam de comprar livros usados. Porém, apesar de ter encontrado vários livros do meu interesse, não cheguei a finalizar uma compra. Acabei comprando os livros novos, em outra loja.

Normalmente, não finalizo a compra em um site quando ele apresenta erros, quando não parece seguro ou porque acabo perdendo o impulso da compra, no decorrer do processo.

O estante virtual é razoavelmente bem estruturado e não apresentou problemas técnicos que me impedissem de finalizar uma compra. Em relação à segurança, não me passou impressão de ser inseguro, mesmo tendo uma aparência “amadora”. E quanto à ter perdido o impulso da compra, também não foi o caso, uma vez que acabei comprando os livros em outra loja.

O que, então, fez com que eu desistisse da compra?

O fato de o site ser um agrupamento de sebos, me faz ter de pagar um frete para cada um, o que resulta aproximadamente em um frete para cada livro, quando resolvo comprar mais de um livro (normalmente compro vários livros de uma vez). O site não apresenta uma opção de procurar a combinação mais barata para os livros que você procura. Por exemplo, se quero o livro X e Y, ele não procurar se existe algum sebo que vende os dois e eleje os sebos que tenham um preço, somado o frete, mais baixo. Como ele não faz este trabalho, eu acabo tentando fazê-lo e me sinto frustrado com o preço final, o que me faz entrar em outra loja e comprar os livros novos, num preço aproximado ao dos usados (ao se pagar um único frete).

Adoro livros usados e não vejo problema algum, nem mesmo quando estão bem usados. Ecologicamente, acho melhor comprar livros usados e, economicamente (tirando os casos como mencionado acima), costumam ser bem mais em conta. O site estante virtual foi um achado recente e eu gostaria muito de um dia chegar a finalizar uma compra nele.

Vídeo sobre o Dia Mundial da Usabilidade 2008

Monday, February 9th, 2009

Aproveitando a leva de posts atrasados, tem novidade no site do Dia Mundial da Usabilidade. Agora você pode conferir uma entrevista que saiu na PUC TV, sobre o evento. É só acessar o site do DMU e assistir. O vídeo demorou pra ser postado porque foi uma luta conseguir a cópia da reportagem.

Entrevista com Melissa Quintanilha

Monday, November 10th, 2008

Mais uma da série de entrevistas com profissionais de UX, no Brasil e no mundo.

Melissa Quintanilha é User Experience Designer da Microsoft, estudou informática na UFRJ e fez mestrado em design na Ohio State University. Ela conta sobre sua trajetória e práticas da profissão de UX, na Microsoft.

Veja a entrevista completa.